Como fazer churrasco: um guia para iniciantes

Como fazer churrasco? Pode parecer que basta ligar a churrasqueira e colocar a carne, porém, não é tão simples. É preciso conhecer sobre tipos de carnes, seus cortes e algumas técnicas.

Sabemos que mesmo os iniciantes não querem correr o risco de errar o ponto da carne. Fique tranquilo. Com algumas das nossas dicas, empenho e paciência você estará dominando a arte do churrasco em poucos passos. Confira.

Como fazer churrasco: comece pela carne

A escolha da carne e do corte é um ponto importante para quem está aprendendo como fazer churrasco. Se você não tem prática no preparo, há alguns tipos que são mais recomendados.

Fraldinha, picanha e contra-filé, além de serem alguns dos preferidos pelos brasileiros, também são os melhores para quem está começando acertar em cheio. Esses cortes são os mais rápidos para assar, fazem que você acumule experiência e possa avançar para preparos mais elaborados em breve.

Você não precisa saber logo de início onde estão localizados os tipos de carne na parte do corpo do animal. Normalmente, você já encontra as carnes segmentadas por corte, com opções de tamanho e peso, com mais ou menos gordura, mais fresca ou mais maturada, diretamente no açougue.

Se fizer você sentir mais seguro, comece pedindo no açougue carnes já temperadas. Mas, se for salgar por conta própria, cuide para não exagerar no sal. Em excesso, pode desidratar a carne. O sal grosso deve ser usado apenas em pedaços grandes. Partes médias podem ser temperadas com o sal triturado, enquanto o sal fino é suficiente para salgar os pedaços pequenos.

Com o tempo, você pode inovar com temperos e marinadas de sua autoria. Fazer testes com diferentes elementos é parte do aprendizado de como fazer churrasco.

O fogo é seu melhor amigo

Agora que você já adquiriu a carne, hora de colocar a churrasqueira para funcionar!

Pode ser um grande desafio para o iniciante no mundo do churrasco, mas garantir que a carne fique assada de forma homogênea – por dentro e por fora – depende de fazer um bom fogo.

Vamos sugerir duas técnicas que são consideradas simples e seguras para quem vai acender o fogo pela primeira vez. Em uma delas, basta depositar o carvão na churrasqueira e despejar álcool por cima dele. Aguarde alguns minutos enquanto o carvão absorve o álcool, e aí sim jogue de longe um palito de fósforo aceso. Lembre-se de limpar as mãos antes disso. Em pouco tempo, o carvão terá se tornado um braseiro.

A segunda forma é até mais fácil. Basta fazer uma espécie de canudo da espessura de dois dedos da sua mão e torcer uma das pontas para que fique em forma de taça. Em seguida, abra uma cavidade em meio ao carvão. Posicione a taça ali e encha de óleo de cozinha.

Ao acender, o fogo vai entrar em contato com o óleo e espalhar-se por todo o carvão. É fácil e eficaz!

Deixe queimar até obter uma camada de cinzas por cima do carvão e somente aí coloque a carne para assar. Conforme a necessidade, você pode deslocar mais carvão para assar a carne. Dessa forma, quando a gordura começar a pingar, você evita as altas labaredas de fogo queimando o seu churrasco.

Viu como fazer churrasco não tem muitos mistérios? Tudo é questão de prática.

Continue acompanhando o blog do Embaixador do Churrasco para aperfeiçoar ainda mais as suas técnicas como mestre churrasqueiro.

Aprenda a preparar um churrasco do início ao fim

Mauro Camargo

Mauro Camargo, conhecido como Embaixador do Churrasco, é consultor internacional para implantação de churrascarias ao redor do mundo. Há 25 anos fundou a Companhia do Churrasco em Porto Alegre e há 15 anos ministra cursos, treinamentos e workshops sobre churrasco. Além disso, Mauro Camargo ministra o curso on-line Churrasco na Prática.
Fechar Menu